17/11/2012

Wine Dinner - Vinícola Pericó

A Sommelier Vinhos e o Restaurante Lanai convidam para o exclusivo jantar harmonizado da gastronomia havaiana com os espumantes e vinhos da Vinícola Pericó.
No jantar, teremos o lançamento do espumante Cave Pericó Champenoise Nature.
Confira os detalhes e faça sua reserva!


13/11/2012

Catálogo de Natal da Sommelier Vinhos

Não deixe para fazer suas compras na última hora!
Confira as sugestões para este final-de-ano no Catálogo de Natal da Sommelier Vinhos.
São vários itens e, com certeza, entre eles encontrará uma boa opção de presente.
Consulte-nos para mais informações.












15/10/2012

Viagem à Serra Catarinense - Vinhos de Altitude

Recentemente organizamos uma viagem para um grupo de clientes, parceiros comerciais e amigos à Serra Catarinense, com o intuito de conhecer três vinícolas muito especiais: Pericó, Sanjo e Suzin, todas localizadas em São Joaquim.
Já a algum tempo elas têm seus produtos presentes em nossa loja e encantam nossos clientes.
Visitá-las então pareceu uma agradável ideia e assim, organizamos um passeio descontraído e instrutivo em direção às paisagens de altitude.
Participaram desta viagem alguns de nossos principais parceiros comerciais e também clientes, todos amigos.
Foram dois dias de momentos inesquecíveis, onde todos tiveram a oportunidade de estar mais próximos dos responsáveis pela qualidade dos produtos, que muitos já conheciam e prestigiavam. 
As visitas aos vinhedos das vinícolas Pericó e Suzin e, a cantina da Sanjo, foram muito educativas e os almoços e jantares harmonizados, além de ilustrativos, foram momentos de prazer e confraternização.

Segue uma introdução da região, um breve resumo das vinícolas e, fotos que falam por mil palavras...

Vinhos de Altitude
A história da vitivinicultura na serra catarinense iniciou quando a Epagri, empresa de pesquisa agrícola do Estado, constatou a boa adaptação de diversas cultivares vitis viniferas na região. Assim, em 1999, o primeiro empreendimento visando à exploração comercial de vinhos finos instalou-se na região. A partir de 2000, outros projetos se iniciaram e hoje são mais de 20 empreendimentos a trabalhar com o cultivo das uvas e produção do vinho na região, somando mais de 200 hectares de vinhedos.

São Joaquim
Todas as vinícolas visitadas encontram-se nos limites do município de São Joaquim.
Considerada a cidade mais fria do Brasil, São Joaquim é conhecida como a “Cidade da Neve”. No inverno, torna-se um berço de frio e beleza, proporcionado pela paisagem em conjunto com a neve. As nevascas geralmente ocorrem entre junho e agosto.Também ocorrem freqüentemente, no município, fortes geadas.

São Joaquim tem uma área de 1.888,1 km² e, altitude de 1.360m na cidade e 1.720m no interior do município.
Seu clima é temperado. No inverno a temperatura fica entre 9,5ºC, podendo a mínima chegar a até -14ºC. No verão, a temperatura é agradável e amena.

Confira no mapa a altitude da região, no ponto mais vermelho ali identificado:



Vinícola Pericó
Nesta região a Vinícola Pericó, localizada a 1300 metros de altitude, cultiva as uvas Cabernet Sauvignon, Merlot e Chardonnay, originárias da França, que são beneficiadas pelas características naturais da serra.
O principal diferencial dos vinhos de altitude é o tempo de amadurecimento da uva. Somado às particularidades do solo e do clima, este fator produz frutos com um grau de açúcar natural diferenciado pelo amadurecimento prolongado que torna a característica doce melhor desenvolvida.

Ensolarado e com noites frias, o Pericó Valley, em São Joaquim, foi o escolhido para abrigar o vinhedo da vinícola por seu terroir de altitude. A preparação das terras iniciou em fevereiro de 2003 e durou 2 anos.

Em 2007, a vinícola lançou seu primeiro vinho, o Taipa Rosé. Em outubro de 2008, um passo ousado: o lançamento do primeiro espumante da região, o Cave Pericó Branco e Rosé Brut, produzidos pelo método Charmat. Em 2010, mais uma ação pioneira: a Pericó lançou o 1º Icewine (vinho do gelo) do Brasil.
Grupo reunido junto à equipe da Vinícola Pericó

Recepção na Casa Pericó, com a calorosa acolhida do proprietário Wander Weege
Visita aos vinhedos no Vale Pericó, com enólogo Jefferson Sancineto Nunes 

Almoço harmonizado
Descontração no final da visita à Pericó

 Vinícola Suzin
Suzin é uma vinícola jovem, de origem italiana, que teve início em meados de 2001. Foi criada pelo patriarca da família Sr. Zelindo Melci Suzin, atualmente com 73 anos, juntamente com seus dois filhos, Everson e Jeferson Suzin.

O vinhedo está localizado na localidade de São José do Alecrim, a uma distância de 21 km do centro da cidade de São Joaquim, com uma altitude de 1.200 metros em relação ao nível do mar, esta região apresenta um clima muito favorável para o cultivo de videiras.

No verão, a temperatura chega a 28º C durante o dia caindo rapidamente a noite para até 5º C, fator este que permite à planta acumular maiores reservas de polifenóis, taninos, açúcares e material corante, um diferencial a mais para nossos vinhos, que são estruturados e potentes.
O vinhedo é composto por 50% Cabernet Sauvignon, 35% Merlot, 5% Pinot Noir e 10% Sauvignon Blanc.

Por se tratar de uma pequena produção, as vinhas recebem um tratamento diferenciado, como desfolha, condução dos ramos, seleção de cachos, raleio de bagas, tratos culturais específicos, colheita manual, etc., tudo para garantir a qualidade e excelência dos vinhos.

Toda a vinificação hoje é terceirizada, mas com projeto de construção da cantina própria em breve.

Visita aos vinhedos da Vinícola Suzin, com Everson Suzin
Jantar harmonizado com os vinhos da Vinícola Suzin

Jantar harmonizado com as valiosoas informações de Everson Suzin

Vinícola Sanjo
Os vinhedos da Sanjo estão em altitudes que vão desde 1100 metros até 1380 metros acima do nível do mar. As altitudes elevadas da Serra Catarinense propiciam a produção de uvas com grande potencial de cor e açúcar, com o desenvolvimento de aromas mais finos e delicados. Isso ocorre, pois a maturação das uvas acontece de forma mais lenta e controlada, devido às baixas temperaturas.

Pela condição climática favorável à vinicultura na Região Serrana de Santa Catarina, a Sanjo iniciou em 2002 a implantação de seus vinhedos, cultivados com as mais avançadas tecnologias de produção de uvas para elaboração de vinhos.

O sistema de condução utilizado, quase em sua totalidade, é o de espaldeira, voltado para baixas produções e alta qualidade dos frutos. A qualidade do clima aliada às características do solo proporciona uma produção distinta, que se expressa nos vinhos Sanjo.
O sistema de elaboração é especialmente desenvolvido para extrair o máximo de qualidade e preservar as características únicas das uvas produzidas na região mais fria do Brasil.

Ser diferente está na essência da Sanjo: uma vinícola moderna, fundada por descendentes de imigrantes japoneses na Serra Catarinense. Por isso, a Sanjo é diferente, é uma vinícola brasileira como nenhuma outra.

A Sanjo também é um importante produtor de maçã e na ocasião o grupo tive a oportunidade de conhecer a planta industrial














02/10/2012

20ª Avaliação Nacional de Vinhos

A 20ª Avaliação Nacional de Vinhos encerrada no último sábado, 29 de setembro, no Parque de Eventos de Bento Gonçalves, reuniu apreciadores da bebida de todo o país e premiou os 16 produtos mais representativos da safra 2012.
Promovido pela Associação Brasileira de Enologia (ABE), o encontro ocorre desde 1993 e serve como parâmetro para a evolução dos vinhos brasileiros.

Esta edição contou com 850 apreciadores de 20 estados e de oito países. A avaliação e seleção das premiadas ocorreu entre os dias 10 e 31 de agosto, no laboratório de análise sensorial da Embrapa Uva e Vinho, em Bento, por 120 especialistas. Nesta edição, 70 vinícolas de sete Estados inscreveram 387 amostras. No sábado, os apreciadores puderam degustar os 16 melhores, em análises às cegas.

A ABE gentilmente nos enviou um material completo, com as informações mais importantes do evento e a divulgação dos vinhos premiados, muitos dos quais, já são conhecidos de nossos clientes desde outras safras.

Confira abaixo as informações e verifique a disponibilidade de alguns dos vinhos em nosso site.








Até à próxima!
Equipe Sommelier Vinhos

22/09/2012

Sommelier Vinhos apoia o 'Pintando na Praça'!

Sommelier Vinhos aprecia as coisas belas da vida, entre elas a arte.
Este ano, a Sommelier Vinhos é uma das apoiadoras do Pintando na Praça, um lindo projeto, que é um encontro de artístas que levam a beleza das cores e o lúdico da arte para as ruas da cidade.
A ideia deste evento veio de um encontro de amigos artistas em meio a decisões sobre uma vernissage. Foi colocar os olhos na praça e suspirar: "Tudo o que eu queria era pintar ali, na praça, sem compromisso...pintar por pintar e ser feliz!" Do suspiro aconteceu o primeiro Pintando na Praça, sob o tema do livro de Paulo Rezzutti, Titila e o Demonão. Meses depois, numa primavera, mais artistas se juntaram, a comunidade veio participar e sem tema, a pintura foi livre.
O 3º Pintando na Praça acontecerá no dia 29 de setembro, na Praça Dr. Maurício Cardoso, bairro Moinhos de Vento (Porto Alegre) a partir das 10h indo até o sol cair.
O evento Pintando na Praça reúne artistas plásticos que levam a arte para as ruas da cidade e escolheram a praça Dr. Maurício Cardoso por perceberem ser ela um paraíso perdido no coração do bairro.
Traga seu material, sacos de lixo para a manutenção e convide seus amigos e artistas conhecidos. Assim seguiremos levando a arte mais junto ao público. Vamos lotar a praça de alegria e cor!
O evento, prestigiado pela comunidade, tem como parceiro o Café Dometila e agora também, o apoio da Sommelier Vinhos!
Uma manifestação artísitca com este perfil, não poderíamos deixar de incentivar.
Prestigie você também!
Até mais,
Equipe Sommelier Vinhos
Lembrete
Data: 29 de Setembro (sábado)
Horário: a partir das 10h
Observação: Caso chova o evento passa para o sábado seguinte.

03/09/2012

Aconteceu na Sommelier Vinhos: Grande Degustação de Vinhos Australianos

Encontro descontraído e agradável na Sommelier Vinhos 
A Austrália é um dos países mais importantes do chamado Novo Mundo do vinho, com grande diversidade de vinhos e produção crescente de alta qualidade.
Seus produtores e enólogos são ousados, possuem grande capacidade de inovação em técnicas de viticultura e vinificação. Foram os primeiros, junto com a Nova Zelândia, a usar em larga escala as tampas screw cap (rosca) para vinhos brancos que depois se estendeu também aos tintos.

Marli Predebon, sócia da importadora KMM
A principal uva tinta é a Shiraz, variedade derivada da francesa Syrah, que gera vinhos densos, com sabor de fruta silvestre, encorpados e exuberantes. Possui também excelentes Pinot Noir, Cabernet Sauvignon e Merlot. As brancas principais são a Chardonnay, Riesling e Sémillon.

Na quinta-feira, dia 30 de Agosto, tivemos a presença de Marli Predebon, sócia da importadora KMM, especializada na importação de vinhos australianos, para comentar sobre produtores e seus vinhos.

Vinhos Brancos que impressionam
Os vinhos degustados surpreenderam a muitos de nossos clientes que ainda não haviam provado os excelentes brancos que o país elabora e, também pelo potencial de guarda que muitos tintos apresentam.

Degustações são sempre ótimas oportunidades para troca de idéias e conhecimentos

Foi uma excelente oportunidade degustar vinhos pouco conhecidos, de um lugar tão distante e, que parecia ainda mais distante para muitos.

Os vinhos degustados naquele evento foram:

Down Under Chardonnay  - Aromas de pêssego e suculento melão maduro. Paladar com sabores de pêssego e limão, persistindo o agradável carvalho picante. Passou 6 meses em carvalho francês.
   
Down Under Shiraz - Apresenta aromas de frutas vermelhas e pimento branca, com paladar encorpado que mostra generosos frutos maduros com sutis características terrosas e persistentes sabores suaves. Estagiou por 6 meses em carvalho francês e Americano.
   
Three Steps Cabernet Sauvignon - Profunda coloração de ameixa escura. O paladar é muito concentrado e complexo, com fruta Madura, sobretons de condimentos, taninos finos e final persistente. Passou 12 meses em carvalho Americano (80%) e francês (20%).

Richland Shiraz - Aromas de fruta Madura e carvalho tostado. Vinho com corpo médio e Redondo paladar médio. Os longos e suaves taninos dão lastro para os sabores de ameixa e picante pimento preta. Passou por doze meses em carvalho francês e Americano. WA 85; ACW prata.

Brokenwood SemillonAromas de erva-cidreira e adocicado de flor de macieira. Dominante fruta no paladar, mas com típica estrutura firme, mostrando acidez citric no final de boca. Sabor inicial de lima e grama cortada. Equilíbrio perfeito entre fruta, álcool e acidez. JH – 90.

Brokenwood Pinot Noir  - Aromas de cereja escura e chocolate. Fundo de baunilha do carvalho. Encorpado, com paladar rico em frutas que compensa o álcool elevado. O equilíbrio é auxiliado por taninos maduros e um final persistente. Estagiou por 10 meses em barricas de carvalho francês.

Oxford Landing Chardonnay* - Cor amarelo-palha e verde vibrante. Textura refinada e cremosa, sabores de frutas brancas e refrescante cítricos, acidez persistente na finalização. Foi adicionada ao blend final uma pequena porção de vinho reserva da safra anterior, que havia sido mantido em barricas de carvalho francês.

Excelentes tintos

Y Series Shiraz Viognier* - Aroma inicial de violeta e fruta doce, misturado à sutil fragrância de damasco e almíscar. Vinho com estilo, evidenciando fruta doce e madura no paladar médio, agradável textura e taninos finos.

Stonier Reserve Pinot Noir* - Apresenta aromas de cereja, groselha vermelha e chocolate escuro, com toques florais, especiarias complexas, e sutil bouquet de carvalho francês. O paladar apresenta ricos e poderosos sabores de cereja e especiarias prolongadas no paladar. Apresenta acidez refrescante com taninos finos e firmes. Estagiou 12 meses em barricas francesas. Incluído na lista do livro “1001 vinhos que você deve provar antes de morrer.”

Nota: *Alguns produtos tiveram seu estoque reduzido a zero no dia do evento, devido ao sucesso de vendas! Consulte a disponibilidade em nosso site.

Até à próxima!
Equipe Sommelier Vinhos

30/08/2012

O Vinho do Gelo Brasileiro

O Brasil tem um legítimo vinho do gelo: icewine!
Conheça um pouco mais desta preciosidade produzida pela Vinícola Pericó; localizada no vale que dá nome à vinícola, em São Joaquim na Serra Catarinense a 1300 m.s.n.m.; e disponível na Sommelier Vinhos.

Como Foi Feito o Vinho do Gelo
O processo de elaboração de um Icewine consiste em colher as uvas perfeitamente maduras e com temperatura inferior a -6 ºC. Nessa condição, a água que se encontra no interior das bagas congela e o gelo é separado do suco rico em açúcar pelo processo de prensagem das uvas, ficando retido dentro da prensa pneumática juntamente com a casca, as sementes e o engaço.

O mosto de uva rico em açúcares é então fermentado a 10 ºC por 60 dias, e posteriormente é estabilizado e colocado em barricas de carvalho francês.

Nos dias 04 e 12 junho de 2009 a equipe Pericó registrou em seus vinhedos, localizados na fazenda Menino Deus, Distrito do Pericó em São Joaquim - SC, um espetacular fenômeno da natureza. As temperaturas caíram bem abaixo de zero e os termômetros marcaram -7,5 ºC, permitindo que um sonho se tornasse realidade: a colheita das uvas congeladas, a 1300 m.s.n.m, condições necessárias para a elaboração do Icewine.

Depois, este mosto gerado da uva Cabernet Sauvignon a partir desta colheita passou pela fase de estabilização em barricas novas de carvalho francês.

Após vinificado, apresentou-se este grande e único Icewine BRASILEIRO, que recebeu vários reconhecimentos pela sua qualidade:


  • Vinho Fortificado de 2010 pelo Guia Vinhos do Brasil da revista Gula;
  •  Prata no Concurso Internacional de Vinos y Espirituosos (CINVE), Miami 2011- U.S.A.;
  • Gran Medalha de Ouro no 8º Concurso Nacional de Vinhos Finos e Destilados do Brasil C.M. Bruxelas - Ed. Brasil 2011.

Veja nas palavras do próprio enólogo Jefferson Sancineto a explicação do processo, na recente reportagem do Globo Repórter.

Até à próxima!
Equipe Sommelier Vinhos

16/08/2012

Aconteceu na Sommelier Vinhos: Degustação Herdade do Esporão e Quinta do Crasto

Nesta última terça-feira, quatorze de agosto, aconteceu na Sommelier Vinhos uma degustação muito especial de vinhos das vinícolas portuguesas Herdade do Esporão e Quinta do Crasto, do Alentejo e Douro respectivamente.
As vinícolas estão entre as mais importantes de Portugal e possuem alguns vinhos ícones do país lusitano.

Herdade do Esporão
Em uma região desafiadora no interior de Portugal, o espírito de superar limites fez com que fossem produzidos os mais tradicionais vinhos portugueses. Nascia a Herdade do Esporão. uma marca que sempre acreditou no potencial do Alentejo. Com produtos como o Esporão, considerado um dos melhores vinhos portugueses.
A Herdade do Esporão também é reconhecida por seu amor a natureza, tradição e inovação.

Quinta do Crato
João Palhinha na 2ª etapa da degustação: vinhos tintos
Com localização privilegiada na Região Demarcada do Douro, pertence a família de Leonor e Jorge Roquette há mais de um século. O nome Crasto, deriva do latim castrum, que significa "forte romano". Os investimentos dos últimos anos permitiram modernizar as vinhas e instalações de vinificação, garantindo assim a produção de vinhos de elevada qualidade. Apesar da utilização das mais avançadas tecnologias de vinificação, continua a ser utilizado o tradicional método de pisa em lagares. A concretização de todos os investimentos e a paixão pelos vinhos elevou a Quinta do Crasto como uma das mais importantes vinícolas de Portugal e conquistou reconhecimento internacional.

Contamos com a participação do Sr. João Palinha; diretor da importadora Qualimpor - a qual é responsável pela importação dos produtos; que esteve entre nossos amigos, clientes e parceiros comerciais conversando e esclarecendo as particularidades de cada vinho e região.





Foram vários os vinhos degustados, entre eles estavam:
Esporão Reserva Tinto e Branco, Esporão S (Syrah), Esporão PV (Petit Verdot), Esporão Quatro Castas, Esporão Vinho da Defesa Tinto e Rosé, Esporão Monte Velho Tinto e Branco, Crasto Douro Superior, Crasto Douro Tinto e Branco, Flor de Crasto Douro Tinto e Branco.

Alguns de nossos clientes já conheciam uns destes, porém houve descobertas para todos!
As conversas entre os vinhos, sempre agradáveis, evidenciarão a imagem do vinho português atual que se confirma na taça: respeito à tradição da vitivinicultura nacional e abertura para inovações.
O resultado: qualidade constante e vinhos deliciosos!
Amigos e clientes prestigiaram a degustação


Amigos e clientes prestigiaram a degustação

Até a próxima!
Equipe Sommelier Vinhos

09/08/2012

Degustação Especial: Herdade do Esporão e Quinta do Crasto


Venha participar desta super degustação na próxima terça-feira (14 de agosto) na Sommelier Vinhos, das 18h às 21h.


Serão degustados doze vinhos da Herdade do Esporão e seis vinhos da Quinta do Castro, com a participação de João Palhinha, diretor da importadora Qualimpor.


Veja todos os detalhes abaixo e reserve já seu lugar!
Valor: R$50,00 (poderá ser abatido das compras no dia)



23/07/2012

Aconteceu: Degustação Especial - Andeluna Cellars


Recebemos na última sexta-feira (20 de julho) a presença de um carismático representante da vinícola Andeluna Cellars, Manuel Lamadrid, para apresentar aos nossos clientes e amigos alguns dos vinhos da prestigiada empresa de Tupungato (Mendoza-Argentina). A degustação foi ótima! Veja a descrição dos vinhos degustados logo abaixo.

Vinhos Degustados
No sábado repetimos a degustação, que também foi um sucesso. Tivemos a presença de vários antigos e também novos clientes, curiosos para conhecer o quanto os 1.300 metros acima do nível do mar da região da vinícola fazem a diferença.
Localizada em Tupungato, Valle de Uco, 100 km ao sul da cidade de Mendoza.Região considerada uma das melhores da Argentina, seus 1.300 de altitude concedem uma grande amplitude térmica, e proporcionam vinhos com cores intensas, muito sabor e ótima estrutura.